Conheça a Evolução do Telefone Celular…

0
212

Há exatos 40 anos, um engenheiro da Motorola realizou a primeira ligação feita em um telefone celular – o tijolaço Motorola DynaTAC – para tirar sarro de um rival da Bell, que pesquisava a mesma tecnologia. Conheça abaixo os aparelhos que marcaram a trajetória dessa inovação cada vez mais presente na vida cotidiana

O pioneiro DynaTAC 8000X – 1983

Foi do protótipo deste modelo que, em 3 de abril de 1973, Martin Copper, então engenheiro da Motorola, realizou a primeira chamada pública com um telefone celular. A histórica ligação foi feita da esquina da Rua 56 com a Avenida Lexington, em Manhattan, Nova York. Do outro lado atendeu Joel Engel, que pesquisava a mesma tecnologia na rival Bell Labs.

-Joel, aqui é o Marty. Estou te ligando de um telefone celular, de verdade – disse Cooper, na primeira chamada via celular. O Dynatac 8000X começou a ser comercializado apenas dez anos depois, em 1983. O aparelho media 33 centímetros e pesava mais de meio quilo. A bateria precisava ser recarregada após oito horas em standby ou uma hora de conversação. O preço, US$ 3.995 na época, cerca de US$ 10 mil em valores atualizados.ot foresee.

O celular ‘micro’ MicroTAC 9800X – 1989

O MicroTAC 9800X, como o nome diz, era uma versão “micro” do DynaTAC. Na época, foi lançado como um “telefone de bolso”. Em comparação com o antecessor, a diferença era realmente grande. O MicroTAC media “apenas” 22 centímetros, 11 a menos que o DynaTAC. O design era inovador, com a frente flip, muito comum nos aparelhos dos anos 1990 e 2000.

O avô do iPhone Simon – 1994

O Simon é o primeiro aparelho a reunir funcionalidades de um palmtop com a de um telefone celular, o que o torna o percursor dos smartphones. Ele estava tão a frente do seu tempo que tinha sistema operacional e até tela touchscreen. Desenvolvido pela IBM em parceria com a Mitsubishi, vendeu cerca de 50 mil unidades e foi descontinuado poucos meses após o lançamento.

Nasce uma estrela StarTAC 130 – 1996

A terceira geração de celulares Motorola revolucionou o mercado. Dos modelos anteriores, o StarTAC guarda apenas as últimas três letras no nome. Pela primeira vez, o design se tornou tão importante como a funcionalidade (lembre do celular com a bolsa). Leve e elegante, o aparelho foi eleito como o 6º melhor gadget da história por uma revista especializada em tecnologia.

A revolução BlackBerry 5810 – 2002

O primeiro aparelho BlackBerry, lançado em 1999, era uma espécie de pager, que mandava e-mails e mensagens. Em 2002, o gadget virou celular. Mas não um celular comum: o BlackBerry 5810 tinha um teclado QWERTY. A novidade caiu no gosto dos consumidores e, em pouco tempo, outras fabricantes seguiram o exemplo.

O mais vendido Nokia 1100 – 2003

Simples, com lanterna e barato, muito barato. Foi assim que o Nokia 1100 fez sucesso e se tornou o celular mais vendido da história. Foram 250 milhões de aparelhos vendidos, a maior parte em mercados emergentes na África e na Ásia.

Para clicar e ouvir Nokia N70- 2005

Antes da revolução do iPhone, a Nokia lançou no mercado o sofisticado N70, que aceitava aplicativos e vinha com duas câmeras, sendo uma de 2MP. Foi um dos aparelhos que cristalizaram a mania de registrar tudo com celular. Por trazer
também um tocador de áudio e um sintonizador de rádio FM, o
N70 foi importante para vender a ideía de que o celular poderia um dia substituir o IPod.

Um novo mundo iPhone – 2007

Em tecnologia, pode-se dizer que existe um mundo antes do iPhone e outro depois do iPhone, até 2007, a Apple era uma empresa cultuada por macmaníacos e fâs do iPod, ponto. No ano seguinte, o iPhone 3G foi o celular mais vendido do mundo, posto que era ocupado por algum aparelho Nokia desde 1998. Hoje, a companhia fundada por Steve Jobs é a mais valiosa do mudo, deixando para trás gigantes de outora, como Microsoft e Google.

Falando pelo pulso – LG GD910-2009

Nos filmes de ficção científica dos anos 80, usar relógio como telefone era uma visão do futuro. A LG foi além. O smartwatch
GS910 não só liga como acessa a internet, faz videochamadas e aceita comandos por voz. Apple, Google e Samsung dizem estar desenvolvendo um produto semelhante.

Duelo de titãs – Galaxy SIII – 2012

Desde o lançamento, em 2007, o iPhone reinou absoluto no mercado de smartphones. A calmaria durou cinco anos, até a Samsung apresentar um competidor de peso: o Galaxy SIII.
Apesar de não ter o charme que a marca Apple carrega, o aparelho é considerado por muitos o melhor disponível no  Mercado, pelo menos até o seu sucessor, o Galaxy S IV, chegar às prateleiras.

E a evolução dos Smartphones e iPhones continuam até os dias de hoje.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por Favor Digite Seu Comentário!
Por Favor, Digite Seu Nome Aqui